21 julho 2015

Programa Frankental de Boas Práticas nas Pulverizações - Estado do Mato Grosso (Safra 2015/2016).


Programa Frankental de Boas Práticas nas Pulverizações

Estado do Mato Grosso - Safra 2015/2016.



"Programa Frankental de Boas Práticas nas Aplicações de Adjuvantes"

O objetivo principal deste “Programa Frankental de Boas Práticas nas Aplicações de Adjuvantes” é oferecer aos grandes grupos agrícolas do Estado do Mato Grosso, avançadas ferramentas de trabalho que proporcionem a melhoria contínua dos processos de aplicação de defensivos agrícolas e adjuvantes de forma segura e sustentável.

Encontram-se em andamento, em todo o Estado do Mato Grosso, visitas técnicas-comerciais aos grandes produtores e grupos agrícolas, com o objetivo de apresentar os projetos sustentáveis da Frankental para as aplicações de agroquímicos e adjuvantes, baseados nas Normas GlobalGAP, em conformidade com os princípios internacionais de Boas Práticas Agrícolas.



Grupo GGF - Fazenda Palmeira (Lucas do Rio Verde – Mato Grosso)



Grupo Mutum (Nova Mutum – Mato Grosso)



Grupo Masutti - Fazenda Saudades (Sapezal – Mato Grosso)




Nas fotos abaixo Cristiano Frankental, Luciane Balzan e Hailton Rodrigo de Oliveira Coutinho (Coordenador Técnico Grupo Masutti).






É também objetivo do "Programa Frankental" orientar as equipes gerenciais dos grandes grupos agrícolas, qualificar suas equipes operacionais, monitorar todas as etapas dos trabalhos, de forma a obter uma maior eficiência e controle das aplicações dos defensivos agrícolas, visando a diminuição dos impactos ambientais, a segurança do trabalho, a redução dos custos, elevando os índices de eficiência em todas as fases dos processos.




Frankental Adjuvantes Especiais


Agradecimentos ao meu grande amigo Cristiano Frankental e aos produtores do Estado do Mato Grosso, por toda a confiança e atenção.

Parabéns à competente profissional Luciane Balzan (luciane@frankental.com.br - Região de Lucas do Rio Verde - MT) pelo forte compromisso com os produtores e pela elevada responsabilidade ambiental na produção agrícola.



Engº Agrº Manoel Ibrain Lobo Junior .'.
Consultor em Tecnologia de Aplicação
Auditor GlobalGAP IFA
lobo@pulverizador.com.br
(11) 94171-1117 (São Paulo)
Skype: manoel.lobo

http://www.linkedin.com/pub/manoel-ibrain-lobo-junior/24/5b5/a33

Acesse: https://instagram.com/manoel.lobo


Pulverizador.com.br - Copyright © 2015

Todos os direitos autorais sobre as marcas, obras ou criações de qualquer natureza disponibilizadas neste site, pertencem ao Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Jr, idealizador dos sites www.pulverizador.com.br, www.scribd.com/pulverizador e www.pulverizador.blogspot.com ou a terceiros que autorizaram o uso de sua propriedade intelectual. Sendo assim, é terminantemente vedada a distribuição, representação, publicação, uso comercial e/ou utilização de tais materiais, no todo ou em parte, sem a prévia e expressa autorização do Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Junior. A violação destes direitos é crime, e seu infrator está sujeito às penalidades legais previstas nas Leis 9.610/98 e 9.279/96 e no art. 184 do Código Penal Brasileiro, bem como ao pagamento de indenização pelos prejuízos causados.

04 julho 2015

Treinamento Spraytec em Tecnologia de Aplicação de Adjuvantes: Campagro & Fazenda Santa Fé (Morro Agudo - São Paulo).


Treinamento Spraytec em Tecnologia de Aplicação de Adjuvantes

Campagro & Fazenda Santa Fé

Município de Morro Agudo - São Paulo


Engº Agrº Manoel Ibrain Lobo Junior .'.
Consultor em Tecnologia de Aplicação
Auditor GlobalGAP IFA
lobo@pulverizador.com.br


O treinamento em tecnologia de aplicação de agroquímicos e adjuvantes ministrado para a competente equipe técnica da conceituada Fazenda Santa Fé, no Município de Morro Agudo, Estado de São Paulo, objetivou a capacitação na correta avaliação, regulagem e calibração do pulverizador autopropelido John Deere 4730 e no monitoramento da qualidade das aplicações de herbicidas, inseticidas e fungicidas.




Na foto abaixo, o Sr. James Lino, responsável pela empresa Spraytec na região de Bebedouro (SP), apresentando os atributos dos eficientes produtos desenvolvidos pela empresa Spraytec, em especial o excelente adjuvante Fulltec.




Mereceram destaque durante os treinamentos teóricos, tópicos sobre os parâmetros meteorológicos para a aplicação de agroquímicos (temperatura, umidade relativa e rajadas de vento), a correta escolha da ponta em função do tipo de produto, técnica de aplicação e alvo biológico, a qualidade da água nas aplicações de agroquímicos (controle do pH, dureza e estabilidade fisico-química da água no preparo da calda e durante as pulverizações, dentre outros) e o correto posicionamento dos adjuvantes Spraytec para as aplicações de herbicidas, inseticidas e fungicidas.





Na foto abaixo, o competente profissional Sr. Jeferson, responsável pela empresa Campagro nessa importante região agrícola de Morro Agudo (SP), participando dos trabalhos teóricos e práticos, apresentando importantes informações sobre os trabalhos de assistência técnica aos produtores clientes, fidelizados aos produtos da conceituada empresa Spraytec.




Durante as palestras teóricas foram apresentados subsídios necessários para o desenvolvimento e a implantação de projetos de sustentabilidade nas práticas de controle químico de plantas invasoras, insetos, doenças e modelos operacionais de qualidade total nas pulverizações baseados nas normas internacionais de "Boas Práticas Agrícolas (GlobalGAP)".




Agradecimentos especiais aos competentes profissionais da conceituada empresa Spraytec, Sr. James e Sr. Rafael, por toda a grande colaboração durante os trabalhos realizados na Fazenda Santa Fé (Morro Agudo - SP).




Mereceram destaque durante a parte prática as realizações das demonstrações de deposição de gotas em papéis sensíveis à água objetivando a análise visual da densidade em diferentes volumes de aplicação para o pulverizador autopropelido John Deere 4730, aplicando em médios volumes (entre 50 a 100 litros/ha) e em altos volumes (acima de 100 litros/ha).





Foram realizados testes de aplicação em médios volumes (50 a 70 L/ha) com o pulverizador autopropelido JD4730 equipado com as pontas de pulverização venturi (indução de ar de segunda geração) 12002 (Amarelo).




Participação das equipes das empresas Spraytec, Campagro e produtores clientes dessas conceituadas empresas, durante a realização dos trabalhos em campo durante os testes de pulverização.





Nas fotos abaixo as apresentações em papeis sensíveis à água dos diferentes tamanhos de gotas aeradas produzidas (Extremamente Grossas, Muito Grossas e Grossas) pelos vários modelos de pontas (bicos) de pulverização utilizadas: Indução de Ar (Segunda Geração) e Defletoras (Impacto).





Foram realizados testes de aplicação em altos volumes (acima de 100 L/ha) com o pulverizador autopropelido JD4730 equipado com as pontas de pulverização venturi (indução de ar) 120025 (Lilás) e 12004 (Vermelho), em diferentes velocidades operacionais (10 a 14 km/h).




Agradecimentos aos amigos da Campagro (Morro Agudo - São Paulo), por toda a confiança e atenção. Agradecimentos especiais aos competentes profissionais da conceituada empresa Spraytec, Sr. James Lino e Sr. Rafael, por toda a grande colaboração durante os trabalhos realizados nessa importante região agrícola de Morro Agudo (SP). Em 2015 estaremos juntos desenvolvendo vitoriosos projetos de tecnologia de aplicação de agroquímicos e adjuvantes por todo o Estado de São Paulo.





Acesse: https://instagram.com/manoel.lobo


Pulverizador.com.br - Copyright © 2015

Todos os direitos autorais sobre as marcas, obras ou criações de qualquer natureza disponibilizadas neste site, pertencem ao Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Jr, idealizador dos sites www.pulverizador.com.br, www.scribd.com/pulverizador e www.pulverizador.blogspot.com ou a terceiros que autorizaram o uso de sua propriedade intelectual. Sendo assim, é terminantemente vedada a distribuição, representação, publicação, uso comercial e/ou utilização de tais materiais, no todo ou em parte, sem a prévia e expressa autorização do Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Junior. A violação destes direitos é crime, e seu infrator está sujeito às penalidades legais previstas nas Leis 9.610/98 e 9.279/96 e no art. 184 do Código Penal Brasileiro, bem como ao pagamento de indenização pelos prejuízos causados.

Treinamento Spraytec em Tecnologia de Aplicação de Adjuvantes: Cooperativa Coopercitrus (Matão - São Paulo).


Treinamento em Tecnologia de Aplicação de Agroquímicos e Adjuvantes

Spraytec & Cooperativa Coopercitrus

Município de Matão - Estado de São Paulo



Engº Agrº Manoel Ibrain Lobo Junior .'.
Consultor em Tecnologia de Aplicação
Auditor GlobalGAP IFA
lobo@pulverizador.com.br


O "Treinamento Spraytec em Tecnologia de Aplicação de Adjuvantes" realizado em parceria com a conceituada Cooperativa Coopercitrus Matão (São Paulo) objetivou a apresentação de novas técnicas e tecnologias sustentáveis para as pulverizações, posicionando corretamente o adjuvante Fulltec para as aplicações de herbicidas, inseticidas e fungicidas, sempre “trabalhando em simbiose” com as corretas pontas de pulverização, produzindo tamanhos de gotas adequadas para cada alvo biológico.




Os competentes profissionais da empresa Spraytec, Sr. James Lino (Bebedouro SP) e Sr. Thales Nogueira (Campinas SP), colaboraram com as apresentações teóricas, apresentando importantes informações técnicas sobre o adjuvante Fulltec, posicionando corretamente o eficiente produto para as aplicações de herbicidas, inseticidas e fungicidas.





Mereceram destaque durante os treinamentos teóricos, tópicos sobre a correta avaliação, regulagem e calibração de pulverizadores (etapas, pressão, volume, velocidade, etc), a dinâmica das gotas de pulverização (volume de aplicação, tamanho de gota e cobertura sobre o alvo), os erros e perdas nas pulverizações (deriva, limitantes meteorológicos, preparo da calda, etc.), parâmetros meteorológicos para a aplicação de agroquímicos (temperatura, umidade relativa e rajadas de vento), a correta escolha da ponta em função do tipo de produto, técnica de aplicação e alvo biológico, a qualidade da água nas aplicações de agroquímicos (controle do pH, dureza e estabilidade fisico-química da água no preparo da calda e durante as pulverizações, dentre outros.





Tópicos sobre a segurança nas aplicações de agroquímicos, corretas recomendações de posicionamento de adjuvantes de calda, desenvolvimento e implementação de tecnologias sustentáveis para as "Boas Práticas nas Pulverizações" também despertaram grande interesse nos produtores cooperados da Coopercitrus, clientes da empresa Spraytec, na região de Matão (SP).




Na foto acima, o competente profissional Sr. João Luiz dos Santos Alves (Gerente Comercial Coopercitrus Regional 2) participando dos trabalhos teóricos e práticos, apresentando importantes informações sobre os vitoriosos projetos de assistência técnica focalizada aos cooperados dessa conceituada cooperativa, clientes fidelizados aos eficientes produtos da Spraytec.





Os trabalhos práticos em campo objetivaram a capacitação dos competentes profissionais das empresas Spraytec e Cooperativa Coopercitrus (Matão SP) para a correta seleção de pontas de pulverização (controle dos tamanhos de gotas) para aplicações em médios e altos volumes, em condições meteorológicas extremamente adversas.





Durante a parte prática, foram realizadas demonstrações de regulagem e calibração em campo de pulverizadores autopropelidos (etapas e procedimentos para a avaliação) e demonstrações práticas de diferentes tipos de pontas de pulverização (pontas com tecnologia de indução de ar - sistema venturi, pontas de uso ampliado, pontas de  baixa e alta deriva, etc).




Mereceram destaque durante a parte prática a realização das demonstrações de deposição de gotas em papéis sensíveis à água objetivando a análise visual da densidade em diferentes volumes de aplicação para pulverizadores tratorizados aplicando em médios volumes (entre 50 a 100 litros/ha) e em altos volumes (> 100 litros/ha).




Agradecimentos aos amigos da Cooperativa Coopercitrus Matão (São Paulo), por toda a confiança e atenção. Agradecimentos especiais aos competentes profissionais da conceituada empresa Spraytec, Sr. James Lino e Sr. Thales Nogueira, por toda a grande colaboração durante os trabalhos realizados nessa importante região agrícola de Matão. Em 2015 estaremos juntos desenvolvendo vitoriosos projetos de tecnologia de aplicação de agroquímicos e adjuvantes por todo o Estado de São Paulo.


Acesse: https://instagram.com/manoel.lobo


Pulverizador.com.br - Copyright © 2015

Todos os direitos autorais sobre as marcas, obras ou criações de qualquer natureza disponibilizadas neste site, pertencem ao Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Jr, idealizador dos sites www.pulverizador.com.br, www.scribd.com/pulverizador e www.pulverizador.blogspot.com ou a terceiros que autorizaram o uso de sua propriedade intelectual. Sendo assim, é terminantemente vedada a distribuição, representação, publicação, uso comercial e/ou utilização de tais materiais, no todo ou em parte, sem a prévia e expressa autorização do Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Junior. A violação destes direitos é crime, e seu infrator está sujeito às penalidades legais previstas nas Leis 9.610/98 e 9.279/96 e no art. 184 do Código Penal Brasileiro, bem como ao pagamento de indenização pelos prejuízos causados.

02 julho 2015

Treinamento Spraytec em Tecnologia de Aplicação de Agroquímicos e Adjuvantes (Bebedouro - São Paulo).


Treinamento Spraytec em Tecnologia de Aplicação de Agroquímicos e Adjuvantes

Cooperativa Coopercitrus & Usina Guarani


Bebedouro - São Paulo


Engº Agrº Manoel Ibrain Lobo Junior .'.
Consultor em Tecnologia de Aplicação
Auditor GlobalGAP IFA
lobo@pulverizador.com.br





Treinamento avançado em tecnologia de aplicação de agroquímicos e adjuvantes de calda, condicionadores hídricos, ministrado para as competentes equipes técnicas e comerciais das conceituadas empresas Spraytec, Cooperativa Coopercitrus Bebedouro e Usina Guarani, no município de Bebedouro, Estado de São Paulo.






Os treinamentos teóricos realizados em sala, no auditório da Usina Guarani, objetivaram a capacitação das equipes gerenciais e operacionais para a correta avaliação, regulagem, calibração e o monitoramento das aplicações de defensivos químicos e adjuvantes.





Os competentes profissionais da empresa Spraytec Sr. José Fiumari Neto (Gerente São Paulo), Sr. James Lino (Bebedouro – São Paulo) e Sr. Marcelo Cardoso Pereira (Chapadão do Sul - Mato Grosso do Sul), participando dos trabalhos teóricos, apresentando importantes informações sobre a grande eficiência agronômica do adjuvante Fulltec e o correto posicionamento dos produtos Spraytec para as aplicações de herbicidas, inseticidas e fungicidas.




Foram apresentadas informações sobre a grande eficiência do adjuvante Spraytec Fulltec em reduzir a deriva nas pulverizações, evidenciando também as suas características funcionais, técnicas e o seu desempenho como excelente condicionador hídrico: Estabilidade Química e Solubilidade; Sequestrante de Cátions e Íons Metálicos (Limpeza da Água); Espalhamento e Aderência de Gotas; Redução do pH e Controle da Espuma.





Mereceram destaque durante as apresentações teóricas novas técnicas e tecnologias em adjuvantes Spraytec e pontas (bicos) de pulverização para o desenvolvimento e implementação de projetos sustentáveis em seus produtores clientes, baseados nos conceitos de boas práticas nas pulverizações (GLOBALGAP) e na qualidade total operacional (organização, limpeza, segurança, etc).





Os treinamentos práticos na Usina Guarani objetivaram o desenvolvimento de novas técnicas e tecnologias para aplicações terrestres, selecionando corretamente os bicos (pontas) de pulverização, objetivando o controle dos tamanhos de gotas, possibilitando aplicações de agroquímicos e adjuvantes mais eficientes e seguras, com menores custos operacionais e maior eficácia biológica.





Testes de deposição de gotas em papéis sensíveis à água objetivando a análise visual da densidade de gotas em diferentes volumes de aplicação para pulverizadores tratorizados aplicando em médio volume (entre 50 a 100 litros/ha) e em alto volume (acima de 100 litros/ha).






Nas fotos abaixo as apresentações em papeis sensíveis à água dos diferentes tamanhos de gotas aeradas produzidas (Extremamente Grossas, Muito Grossas e Grossas) pelos vários modelos de pontas (bicos) de pulverização utilizadas: Indução de Ar (Primeira Geração) e Defletoras (Impacto).






Foram realizadas demonstrações práticas de diferentes tipos de pontas de pulverização equipando o pulverizador tratorizado montado: pontas com tecnologia de  indução de ar (sistema venturi), pontas de deflexão, pontas de uso ampliado, pontas de baixa e alta deriva, etc.






Foram apresentados programas de assistência técnica focalizada no desenvolvimento e implementação de projetos sustentáveis para as pulverizações de defensivos (químicos, orgânicos e naturais), baseados nas Normas do Protocolo GlobalGAP, em conformidade com os princípios internacionais de Certificação em Boas Práticas Agrícolas.





Agradecimentos aos competentes profissionais da Cooperativa Coopercitrus Bebedouro, Spraytec e Usina Guarani, por toda a grande colaboração e pela pronta atenção durante os trabalhos teóricos e práticos desenvolvidos na importante região agrícola de Bebedouro, Estado de São Paulo.



Pulverizador.com.br - Copyright © 2015

Todos os direitos autorais sobre as marcas, obras ou criações de qualquer natureza disponibilizadas neste site, pertencem ao Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Jr, idealizador dos sites www.pulverizador.com.br, www.scribd.com/pulverizador e www.pulverizador.blogspot.com ou a terceiros que autorizaram o uso de sua propriedade intelectual. Sendo assim, é terminantemente vedada a distribuição, representação, publicação, uso comercial e/ou utilização de tais materiais, no todo ou em parte, sem a prévia e expressa autorização do Engenheiro Agrônomo Manoel Ibrain Lobo Junior. A violação destes direitos é crime, e seu infrator está sujeito às penalidades legais previstas nas Leis 9.610/98 e 9.279/96 e no art. 184 do Código Penal Brasileiro, bem como ao pagamento de indenização pelos prejuízos causados.